Artigos: Dra. Rebecca Isaac

Aleitamento Materno Garante a Saúde Intestinal da Vida da Criança

Aleitamento Materno Garante a Saúde Intestinal da Vida da Criança

Introdução

Amamentar no seio faz parte da vida natural do ser humano, assim como nascer de parto normal, alimentar-se com alimentos provenientes da natureza e respeitar o ciclo da vida. Este artigo trata do aleitamento materno com promoção da saúde do indivíduo para sua longevidade através da colonização da microbiota intestinal, que é por onde começa a imunidade7.

O aleitamento materno, além de benefícios nutricionais, tem benefícios emocionais, devido ao vínculo mãe e filho e benefícios fisiológicos, através da sucção que o bebê deve trabalhar para dar continuidade ao seu desenvolvimento natural.

A microbiota intestinal da criança é formada pelo aleitamento materno, pois o leite humano contém diversos fatores que colonizam e protegem o trato gastrointestinal do bebê, além de ser o único alimento perfeito para a criança.

Discussão

Amamentar é a forma mais natural de alimentar e nutrir um bebê, provêm uma combinação única e perfeita de proteínas, lipídios, carboidratos, vitaminas, minerais, enzimas e células vivas, com conhecidos e inquestionáveis benefícios nutricionais, imunológicos, psicológicos e econômicos1, por ser um fluido biológico complexo específico para a espécie, adaptado ao longo da existência humana para satisfazer perfeitamente as necessidades nutricionais e imunológicas da criança2.

As principais vantagens do aleitamento materno são baseadas nas propriedades anti-infecciosas, anti-inflamatórias e imunomodulatórias1,2,6. GREER, FR concluiu em estudo que o aleitamento materno previne doenças atópicas, alergias e doenças respiratórias.

Efeitos Adversos dos Adoçantes à Saúde

Efeitos Adversos dos Adoçantes à Saúde

Muito se sabe do prejuízo à saúde devido ao excesso de açúcar na alimentação. Ele pré-dispõe o organismo à obesidade, diabetes, distúrbios metabólicos e alterações no sistema nervoso central. Porém, deve-se ter cuidado na escolha do substituto do açúcar para evitar outros prejuízos.

Além de abrir o apetite por doces e causar uma compulsão por carboidratos, alguns adoçantes podem alterar a pressão de hipertensos, favorecer o acúmulo de toxinas no fígado e causar dor de cabeça e alterações de humor.

Alimentação e Nutrição nas Doenças Inflamatórias Intestinais

Alimentação e Nutrição nas Doenças Inflamatórias Intestinais

Doença inflamatória intestinal (DII) é a denominação geral dada para os distúrbios inflamatórios de causa desconhecida, envolvendo o trato gastrintestinal (TGI), que pode ser dividida em dois grupos principais: a Retocolite Ulcerativa Inespecífica Crônica (RCUI) e a Doença de Crohn (DC). A principal diferença entre as duas doenças é a localização da inflamação: enquanto a Doença de Crohn pode afetar qualquer parte do tubo digestivo, da boca ao ânus, a Retocolite Ulcerativa só acomete o intestino grosso, ou cólon.

Não se sabe ao certo quais são as causas dessas doenças, mas existem fatores genéticos, alterações da resposta do sistema imune e fatores ambientais envolvidos. Agentes infecciosos, como bactérias, vírus e parasitas, não são reconhecidos como fatores de causa de DII. Fatores emocionais, como estresse, também não causam a doença, mas podem exacerbá-la. Alimentos potencialmente alergênicos causam intolerância e podem ser a causa da inflamação local ou precipitarem os sintomas, além de intensificá-los.

Como Manter o Intestino Funcionando Bem?

Como manter o intestino funcionando bem?

O intestino é um órgão extremamente importante para nós, ele faz a digestão dos alimentos e absorção dos nutrientes, participa da nossa imunidade, regula o humor através da produção de serotonina, faz detoxificação, além de regular a fome e saciedade! Por isso, precisamos ter o intestino saudável sempre!

Saiba quais são as dicas para manter o intestino funcionando bem! Procure ter uma alimentação rica em fibras, consuma alimentos como legumes, verduras, frutas, feijões, raízes e tubérculos, aveia, biomassa de banana verde; faça 5 ou 6 refeições por dia, com intervalos regulares entre as refeições; beba mais água; fuja dos alimentos industrializados, ricos em açúcar e aditivos alimentares que prejudicam o bom funcionamento do organismo; faça exercícios físicos regularmente.

Nutrição & Imunidade

Ter imunidade significa estar bem alimentado!

Nutrição & Imunidade

Ultimamente estamos espantados com tantas doenças contagiosas e perigosas como a GRIPE H1N1, ou gripe suína na saúde, por isso devemos focar nossos esforços para colocar a saúde na rotina...

Veja os serviços prestados

Convênios

  • Advance
  • Allianz Saúde
  • Ameplan
  • Amil
  • Apeoesp
  • Bradesco Saúde
  • Caixa Seguros
  • Care Plus
  • Cassi
  • Cetesb
  • Dix
  • Economus
  • Fundação CESP
  • Gama Saúde
  • Grupo Saúde Bresser
  • Intermedica
  • Itau
  • Marítima Saúde
  • MedService
  • Metrus
  • Notredame
  • Omint Saúde
  • Ônix
  • Portomed
  • Porto Seguro
  • Sabesprev
  • Santamalia
  • Saúde Secular
  • Sind - Assistência Técnica - SP
  • SP Trans
  • Sul America Saúde
  • Unafisco
  • Unimed
  • Unimed Rio
  • Unimed Seguros